Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Home Sweet Home

Este blog é o nosso reflexo. Conheçam as nossas aventuras, os nossos projectos, conheçam-nos a nós.

Home Sweet Home

Este blog é o nosso reflexo. Conheçam as nossas aventuras, os nossos projectos, conheçam-nos a nós.

  • Todo o céu e as estrelas deste mundo...

    Estamos num daqueles períodos da nossa vida em que somos bombardeados com várias perguntas do mesmo género..

    Quando casam? Quando vêm os bebés?

    E quem já passou pelos 30 de certeza que sentiu o mesmo... aquela pressão social... aqueles sorrisinhos meio tímidos meio descarados, do "já não vão para novos... não deixem passar muito tempo..."

    Nós fazemos como os pinguins, acenamos e sorrimos... Porque essas decisões são demasiado importantes para serem tomadas assim...

    E ainda não estamos para aí virados...

     

    Mas quando vemos outras pessoas a tomar decisões life changing, pessoas que amamos, não só ficamos felizes como ficamos em modo de agradecimento, por podermos fazer parte destes momentos.

    Quando essas pessoas nos dizem que tomaram a decisão de celebrar o amor deles e fazer um ato de oficializar a coisa... Mais ainda...

    Estou em pulgas...

    E tão feliz.... 

    Feliz porque conheço aquela história de amor, porque os adoro como se tivesse crescido com eles, porque agradeço todos os dias o papel que eles têm na nossa vida e nós na deles...

    A nossa família de coração.

    Temos uma sorte tremenda por ter os amigos que temos e em ter o previlégio de fazer parte da história de cada um deles.

    A eles desejo tudo de bom... o de melhor deste mundo.

    Menos não seria justo, eles merecem todo o céu e as estrelas deste mundo.

     

     

     

    Os dias são o que fazemos deles...

    Segunda-feira, outra vez...

    Depois de um fim-de-semana comprido, em que sexta passou a correr e cheia de tarefas a tratar, o fim-de-semana veio e foi-se com a mesma velocidade.

    Foi óptimo para matar saudades daquelas pessoas que mais gostamos e domingo aproveitámos para estar a por o namorico em dia e ficarmos só os dois.

    Fomos experimentar um restaurante muito recente, o Fiammeta em Campo de Ourique.

    É um conceito que já existe noutros em Lisboa em que dentro do restaurante encontramos também os produtos à venda. 

    É italiano, um dos nossos tipos de comida preferidos e, embora a comida estivesse muito boa, a sobremesa, um mil folhas com pepitas de chocolate perfeito... não sei se nos conquistou. 

     

    Experimentar restaurantes italianos para nós é dificil, quem nos conhece sabe que temos 2 ou 3 de eleição e não divergimos muito dali, de vez em quando experimentamos, mas a comparação é inevitável.

    O Fiammeta aposta num conceito diferente, sem pizzas, mais dedicado às iguarias italianas, mas fiquei ali na dúvida sobre o conceito em si.

    Têm pratos do dia, a carta varia entre saladas compostas, paninis, algumas massas, tábuas de queijos e tábuas mistas...

    Eu experimentei a sopa de cogumelos que estava perfeita; o prato do dia lasanha, passei ao lado...

    Experimentei o rigatoni à carbonara bom mas não memorável... nada a apontar à qualidade dos ingredientes ou ao serviço que foi sempre impecável, acho apenas que não se ajusta muito a nós, até porque o Mr Pim adora pizzas. 

    Na parte do mercado tinha tudo um aspecto delicioso, imensos queijos diferentes... 

    Para quem quer experimentar recomendo reserva tem apenas 10/12 mesas, e pelo que ouvi o dono a explicar parece que não servem jantares.

    Não sei se voltaremos tão depressa... Mas é bom variar. 

     

    Esta semana volto a focar nos objectivos que me têm acompanhado nas últimas semanas, alimentação e exercício...

    Esta nova pulseirinha conta muito bem os passos, distância percorrida e calorias... Ainda no sábado enquanto esperava sozinha em casa, pensei que em vez de ficar sentada no pc melhor seria ligar o Just Dance e fazer um ciclo de dez músicas... E lá fui... Aumentei os passos, aumentei as calorias e depois daquilo não podia ter ficado mais bem disposta. 

    São pequenas escolhas começo a perceber isso que farão a diferença, amanhã vou começar a subir 2 andares de escadas até ao trabalho... e depois o objectivo é ir aumentando... Os 11 de uma vez não pode ser, mas dois acho que sim. 

    Não deixar os maus humores tomarem conta de mim é uma das minhas prioridades, stress aumenta a facilidade com que faço escolhas erradas na alimentação... Não quero cá disso. Os meus dias são o que fazemos deles, e eu quero que sejam o mais positivo possível. 

     

    E vocês? Têm planos especiais para esta semana? 

     

     

     

     

     

     

    Ora bem, passei a cobaia...

    Bem sexta-feira lá fui eu à Faculdade de Motricidade Humana para fazer parte do projecto NoHow.

    Apenas 533 portugueses farão perto do projecto e eu sou uma delas. Mais algumas pessoas irão fazer parte mas de outros países.

     

    Existem vários grupos, como já tinha dito, que são atribuidos, pelo que percebi, com base no que são as nossas apetências ou dificuldades. Se emocionais e relacionadas com a nossa relação com a comida, se valorizando mais conteúdo técnico se conteúdo mais bonito sobre o tema.

    Eu fiquei no grupo 3, de acordo com as 2 horas de questionário que preenchemos online e tenho a sensação que estou no grupo dos emotivos... oh a surpresa... 

    Entretanto doei amostra de sangue para medições de colesterol e açucares, doei cabelo, para medição da hormona do stress... Este teste só faço mais uma vez e só no final do estudo sei a resposta... Calculo que bata os records alguma vez medidos looool

    Estas duas amostras são opcionais. 

    Pesaram-me, mediram-me e puseram-me numa máquineta que parece um raio x mas que analisa o nosso corpo de cima a baixo.

    Explicaram-me todas as aplicações que vou usar para monitorizar o meu peso e os meus hábitos nos próximos 18 meses, incluindo a pulseira FitBit e a balança da mesma marca a Ária. 

    Deram-me algumas guidelines e daqui a 6 meses lá estarei novamente.


    Os equipamentos são do mais avançado que há, eu usava a MiBand2 mas realmente nota-se a diferença para a FitBit. A contar as calorias e passos então nem se compara, quando cheguei ontem fui limpar a casa, aquela coisa agradável que todos fazemos e a precisão da pulseira surpreendeu-me... Nada comparada com os resultados que tinha na MiBand2 em ocasiões iguais. 

    A balança está ligada ao wifi pode ter até 7 perfis e desconfio que tem um mecanismo de monitorização nuclear de tão avançada ser...

    Em suma, são dois equipamentos que me irão ajudar a manter sobe controlo tudo o que se passa neste corpo. 

    A ideia do projecto é se nos mantivermos até ao fim ficamos com eles, a brincar a brincar são 300€ de bónus e ainda me dão ferramentas para alcançar o meu objectivo... que venham 18 meses de macaquinha de laboratório como o Carl me apelidou...

    E que daqui a 18 meses, possa olhar para trás e ver todo este percurso em detalhe. 

    E vocês? Que andam a mudar na vossa vida para ter o que sempre quiseram?

     

    IMG_20180203_174657.jpg

     

     

     

    Nutricode, Inner Balance e agora NoHow

    Desde o ano passado que resolvi cuidar melhor de mim, não pelos outros mas exclusivamente por mim.

    Vocês têm acompanhado o programa da Nutricode aqui, aqui, aqui e aqui.... E tem corrido bem. 

    Mas sexta-feira começo o NoHow como ferramenta auxiliar.

    Conhecem?

     

    O NoHoW é um projeto científico financiado pela União Europeia no âmbito do Horizonte 2020.

    O principal objetivo do NoHoW é compreender como é que as pessoas mudam o seu comportamento com vista a manter o peso perdido. Para isso, desenvolveu-se um conjunto de ferramentas baseadas na evidência científica e com recurso às mais recentes tecnologias digitais. Este programa será testado com participantes de 3 países: Portugal, Dinamarca e Reino Unido.

     

    Para entrarem têm de ter perdido 5% do vosso peso nos últimos 12 meses, é inscreverem-se darem uma declaração de alguém que vos é próximo a comprovar exactamente isso, e são medidos, pesados em detalhe e acompanhados durante 18 meses pelo projecto desenvolvido pela Faculdade de Motricidade Humana.

    São feitas 4 consultas durantes os 18 meses e a todos os participantes, independentemente do grupo a que foram alocados, ser-lhes-á fornecida uma balança digital. 

    Estas balanças têm ligação à internet para que sempre que se pesar nós possamos ter acesso ao seu peso. Isto permite-nos monitorizar o seu peso ao longo do programa. Também será fornecido a todos os participantes uma pulseira para monitorização da atividade física, igualmente ligada à internet para que possamos monitorizar a sua atividade física diária.

     

    No final do programa quer a balança quer a pulseira ficam para nós. 

    Sexta-feira tenho a minha primeira consulta, os questionários já preenchi. 

    Depois partilho as minhas medidas todas e vou acompanhando a evolução do peso de forma mais próxima também. 

    Eu não fazia ideia de que isto existia, partilho para quem possa achar, tal como eu, que é uma boa ferramenta para ajudar neste percurso. 

     

    Bora tratar de nós!

    Marta

     

     

     

    Ellie & Carl #E se as nuvens vierem?

    Estes últimos meses sinto-me nas nuvens...

    O que fazer quando aquilo com o qual sonhamos durante anos a fio se concretiza?

    Eu agradeço, agradeço muito...

    A Alá, ao Buda, A Deus, a todos os santinhos, aos familiares que já cá não estão mas que acredito que de onde estão nos acompanham e inspiram... e agradeço todos os dias. 

     

    Mas... ainda ontem, num dos momentos que será obviamente uma memória para sempre, eu feliz, a preparar-me para ir dormir, o cheiro dele a abraçar-me, o produto para o cabelo que me poe sempre um sorriso no rosto porque faz lembrar as férias de verão...

    Ainda ontem me assombrou o medo, será possível morrer de felicidade?

    Momentos perfeitos como estes... Tão simples mas tão bons repetem-se e vem sempre também o medo... e se terminar?


    Se terminar quero que seja com a certeza que fiz tudo o que podia, que gozei tudo o que podia, que dei todos os beijos a dar e nos momentos mais impróprios, que fui feliz tudo o que queria ter sido. 

    E isto é o que temos de ter sempre em mente, relativizar o que não interessa e acima de tudo o que é negativo e focarmo-nos no bom. 

    Por aqui têm sido vividos muitos dias bons, a sós, ou em família... 

    Muito bons mesmo. 

     

    Se as nuveus se atreverem a atravessar-se no nosso caminho tenho hoje, mais certeza que nunca, que nós os dois as afastaremos para que o sol brilhe sempre para nós.

     

     

     

     

     

     

    Ellie & Carl Começa tudo a encaixar...

    Dias de muito trabalho e atarefados dão origem a finais de dia em modo burrito. 

     

    Segunda-feira finalmente consegui fazer algo que queria há algumas semanas, cozinhar e orientar a comida para a semana. 

    A minha mãe ainda ajudou com a sopinha que me fez para trazer na terça-feira depois de um jantarinho para matar saudades, a sopa da mãe tem sempre outro encanto.

    Mas segunda-feira foi duro, depois de um dia de trabalho fomos levantar compras ao Continente, feitas online. Ainda passamos na loja para comprar umas coisas que faltavam (devia ter encomendado logo tudo)... 

    Ainda passamos na farmácia... Já cheguei a casa era por volta das 20h.

    Mas a minha vontade venceu o cansaço e ainda fui cozinhar, almondegas e perninhas de frango no forno, esparguete de acompanhamento. Ainda descasquei cenouras e cortei para trazer de snack para o trabalho e preparei as papas de aveia para fazer overnight para os pequeninos almoços. 

     

    E nestes dias tenho sentido a diferença...

    É muito confortável chegar a casa e não ter que, principalmente, pensar na comida, às vezes nem é o fazer... é o pensar. Chegar ao frigorifico e tirar a sopa e a comidinha ja pronta e aquecer... do melhor. 

    Por isso para a próxima semana é para manter, mas vou tentar não o fazer na segunda-feira, porque foi realmente muito puxado logo no inicio da semana.

    Este domingo ver se faço o mesmo, desta vez com lombo de porco e outra alternativa que ainda não pensei... Ver se também preparo mais legumes para serem mais acessíveis e por isso mais vezes comidos. 

     

    Ontem quando cheguei a casa estar ko nem começava a descrever o meu estado, o Mr Pim igualmente... 

    Nessas alturas activa-se o modo burrito e ficamos no sofá, enrolados numa manta completamente cobertos e no nosso mundinho. 

    E é tão bom este nosso mundo que criámos... 

     

     

     

     

    Nutricode Inner Balance Dia 17

    Com alguns contratempos nestas semanas ainda não consegui pesar-me...

    No entanto fui comprar este fim-de-semana um par de calças e tive que comprar um número abaixo...

    Oh que chatice!

     

    O efeito inicial com o Inner balance é sem duvida a perda de volume e a redução dos líquidos retidos. 

    Em termos de sono, ajuda de facto a obter um sono mais calmo e sem precalços. 

    De resto, melhorei também os hábitos alimentares, trago cenourinha cortada para o trabalho, frutos secos acompanham-me todos os dias para os snacks...

    Falta cortar os hidratos, mas uma coisa de cada vez que eu não quero cá fazer as coisas com pressa.

    Sopinha não tenciono cortar tão cedo.

    O que quero além da perda de peso é principalmente alterar hábitos alimentares e isso não se faz com uma dieta rigorosa. 

    Não quero fazer dietas, quero alterar a forma como encaro a comida e a minha relação com ela. 

    O desporto... a limpeza da casa conta?

    Ainda não consegui incorporar essa parte na minha vida. 

     

    Amanhã trago-vos os números!

    Por aí como está a correr?


    Marta

     

     

     

     

     

     

    Abaixo a escravatura do pó!

    Este era o desejo da semana, do mês e do ano!

    Não acho interessante sras da limpeza, sou demasiado picuinhas para deixar alguém limpar a minha casa, mas aspirar está no top das tarefas mais odiadas... 

     

    Este Bobby é um gadjet super conveniente para toda a gente que tenha:

    Um chão

    Que use tapetes ou não

    Que tenha animais

    Onde apareça pó ou pêlos

    Que ande na rua e por isso traga para dentro de casa ainda mais toneladas de pó ou que como nós... 

    Tenha um chão que cresce pó por si mesmo. 

    Sim ninguém me convence do contrário!

    Aquilo é coisa do demónio, um dia o chão está limpo e aspirado no outro parece o faroeste com bolas de pó a correr! 

    Sim e se durasse limpo e imaculado depois daquele trabalho árduo até compensava... Mas fica limpo exactamente 2536845 microsegundos! Chão ingrato!

     

    Enfim resolvemos o problema e se sofrem do mesmo mal resolvam também... 

    Bobby ou Xiaomi Mi Robot responde a isto!

    O de segunda geração já existe mas está caro, o de primeira está em promoção!

    Era 350€...aparece em promoção no gearbest por 249.98€ mas como sou amiguinha ainda tenho um cupão que se activarem na altura do checkout torna o preço em 230.82€! (cupão xiaomivac) 

    Chegar a casa e não ver pó ou coisinhas por todo o lado, para quem tem crianças e quer garantir que não apanham nada estranho... Para quem tem animais e tem de aspirar todos os dias.  Este menino é perfeito. 

    Trata de tudo sozinho lá anda ele a aspirar e no final volta para a sua casa.. Vai ser o nosso Bobby! 

    Acabem com a escravatura do pó! Ele funciona bem mesmo com tapetes. E podem adicionar um pano molhado e faz de mopa. 

    Aqui têm toda a informação! 

     

    1509518102147609765.jpg