Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Home Sweet Home

Este blog é o nosso reflexo. Conheçam as nossas aventuras, os nossos projectos, conheçam-nos a nós.

Home Sweet Home

Este blog é o nosso reflexo. Conheçam as nossas aventuras, os nossos projectos, conheçam-nos a nós.

Expliquem-me como se tivesse 2 anos....

 

Sou uma moça caseira... Alias até ser adolescente e começar a sair de casa com amigos, a grande maioria dos meus fins de semana, eram passados no aconchego de casa...

O meu pai caçador e pescador assumidissimo tinha sempre planos e eu e a minha mummy ficavamos a dividir o nosso sofázinho e mantinha, aconchegadas a ver o que de "melhor" passava na televisão.

Nunca me fez confusão, sempre gostei, se nao era a ver televisão, lia muito, estudava muito, o computador também me entretia (ai como adorava jogar sims!).

 

Quando comecei a namorar com Carl com 18 aninhos... as coisas mudaram de figura, porque eu morando em Alverca ele na Amadora, passavamos grande parte do fim-de-semana juntos e sempre fora de casa, era aquela altura do namoro que eu não ia para casa dele nem ele para minha. Isso implicava sair cedo de casa conjugar todo o stress dos horários de transportes...

E eu... eu passei a ter saudades de fim-de-semana mais aconchegados. 

Agora é diferente, passamos muito tempo na minha casa ou na casa dele... Mas... ele continua a ter que sair!!

Só que o Carl... bem ele tem um problema em passar um dia inteiro em casa... Mesmo por exemplo com o tempo que estava ontem!

Tem que sair, tem que ir comprar o jornal, ou arranjar alguma coisa para compor no carro...

 

Eu... eu lá me arrasto... Mas a verdade é que tenho saudades daqueles fim-de-semanas sossegados em casa... Com o cheirinho a cafe e torradas, passados de pijaminhas e pantufinhas confortaveis... Sem ter que enfrentar chuva ou frio...

No Verão ultrapasso este sentimento mais facilmente, no inverno... custa-me como se me trespassassem com 1000 facas. 

E agora começa aquela altura em que eu pareço colada a casa.. e o Carl olha para mim como um ET!

Como é possível que alguém queira sair de casa para enfrentar chuva???!!!!!


Sei que é nas nossas diferenças que está a nossa individualidade e aquela cosinha especial que faz de nós nós! Mas... Este é um ponto tão meu como o ter de sair é dele e bem... é sempre uma guerra perceber se hoje consigo um diazinho de recolhimento ou se... vou ter que enfrentar a chuva e a tormenta!

Sou a única com este problema???

 

  • 10 comentários

    Comentar post